Conto de amor na Escadaria Selarón

Foi na famosa escadaria Selarón, na Lapa – Rio de Janeiro que a Lis e o Adriano se conheceram e se apaixonaram, em um bloco de carnaval cuja especialidade é reggae e onde o Adriano tocava seu surdo.  A Lis é natural de uma cidadezinha do interior do Maranhão, chamada Fortuna, e veio para o Rio de Janeiro tentar a sorte como atriz. Já o Adriano é carioca, nascido e criado no Rio de Janeiro, e além de músico por diversão, é jornalista por profissão. Quando se conheceram, Lis morava na Tijuca, e o Adriano no Leblon.

Depois de um tempo de namoro o Adriano decidiu oficializar a união pedindo a Lis em casamento no Havaí, durante uma viajem que fizeram junto com toda a família.

A ideia para o convite então, foi desenhar a famosa escadaria onde tudo começou e o mar representando o pedido de casamento e onde o casamento aconteceu, a beira mar,  na Ilha do Amor em São Luiz. Os dois dançando juntinhos foram representados na ilustração por um estilo cartum e as cores que pediram foram as cores do reggae (que eles curtem ouvir juntinhos), com muito vermelho, verde e amarelo, bem vibrante (destaque para os detalhes como o grafite na escada escrito “Aloha e S’agapo” e as máscaras símbolos do teatro penduradinhas no surdo… a “cara” do casal).

O convite é o modelo Paspatur Kraft, onde usamos papeis ecológicos (kraft e reciclado) e para o acabamento, barbante encerado vermelho e uma tag com recorte especial.

E pra homenagear a casal um reggae de amor:

Na noite estava sozinho
Cantando e olhando pro céu
Do meu lado ela sentou
Ouviu meu som, era um reggae de amor

Me deu a mão e fomos à lua
Para vermos o mundo de lá
Viajar de olhos fechados
Sem parar prá pensar…

Só quero cantar e amar

 

Facebook